Guia Completo do Parto Humanizado – O que é, Dúvidas & Vantagens!


Recentemente o termo parto humanizado tem sido bastante recorrente, mas você sabe a que tipo de parto esse termo se refere?

Se o assunto ainda é novo para você ou traz dúvidas, no post respondemos a perguntas sobre o assunto e damos dicas para as gestantes que já estão pensando no momento do parto.

E para quem ainda não está a espera de um bebê, mas quer conhecer mais sobre o assunto, informação é sempre válida né?

o que é

 

Parto Humanizado: Dúvidas Frequentes

O que é?

Muito se fala a respeito do parto humanizado, e são tantas opiniões acerca do assunto que muita gente acredita que esse seja um tipo de parto, assim como o parto normal e a cesárea, que são técnicas diferentes para o nascimento dos bebês.

No entanto, o parto humanizado não é definido como um tipo de parto, mas sim como um parto que segue condutas e procedimentos que respeitam a mulher e a criança, de maneira a seguir um processo menos “robotizado”, e sim de fazer um momento mais íntimo e respeitando o processo natural e desejos da mãe.

Na humanização do parto, a ideia é de que o momento envolva menos procedimentos desnecessários e que traga a mãe e a criança um processo mais natural, onde o médico torna-se parte de auxílio e não um instrumento em que faz os procedimentos de modo automática e invasivo, desrespeitando desejos da mãe e até induzindo-a a decisões não necessárias, como uma cesárea sem necessidade.

É claro que como qualquer outro método, a saúde da mãe e do bebê estão em primeiro plano, e se houver qualquer necessidade de intervenção médica que seja contrária ao desejo  prévio e ao plano de parto da mãe, esse deve ser um momento previamente discutido e realizado de modo humanizado.

definição do que é

Para deixar mais claro o que é o parto humanizado, a Organização Mundial da Saúde (OMS) definiu o método como:

“Humanizar o parto é um conjunto de condutas e procedimentos que promovem o parto e o nascimento saudáveis, pois respeita o processo natural e evita condutas desnecessárias ou de risco para a mãe e o bebê”. (OMS, 2000)

parto na água

Quais suas Principais Vantagens?

Como um assunto bastante debatido e em alta nas gestações atuais, a humanização do parto não é apenas algo da moda, mas sim um momento mais natural para o nascimento da criança e que traz muitas vantagens:

  • Maior liberdade: como o processo todo evita técnicas e momentos robotizados, o parto humanizado dá maior liberdade para a mãe, que pode ter um acompanhante durante o momento para fazer uma massagem relaxante enquanto está em trabalho de parto, escolher a posição em que quer ficar para dar a luz, escolher o local onde pretende ter o bebê (banheiro, cama) – desde que não envolva riscos, claro.
  • Ambiente mais aconchegante: ao contrário das salas que são bem características (com luz forte, maca, etc) para as mulheres que estão em trabalho de parto, na humanização do parto, a ideia é ter salas que também tragam conforto a mulher, e esse ambiente pode ser com meia luz, chuveiro, banheira, cama. E não é preciso dar a luz em casa não para ter um quarto assim, muitos hospitais particulares já oferecem essa opção, e atualmente, ainda que pouco, já se torna uma opção no SUS e em casas de parto.
salas de parto

O ambiente com várias opções dá liberdade para mulher escolher a melhor posição

  • Respeito a mulher: a preparação prévia ao momento do parto, com um plano de parto e o médico ouvindo aos desejos da mulher para o momento é um dos primeiros sinais de que há o início de um parto humanizado. O respeito do médico e da equipe com a gestante é um ponto primordial para tornar o momento mais leve e deixar a mãe menos estressada em um momento tão sublime que dá início a uma vida.
  • Recuperação mais rápida após dar a luz: como o procedimento tenta envolver menos técnicas hospitalares, e por muitas vezes até dispensa a anestesia, a recuperação da mãe é mais rápida no pós-parto.
  • Proximidade da mãe com o bebê: em partos que envolvem técnicas “robotizadas” logo após o nascimento da criança, ela é levada a mãe por poucos minutos e em seguida retirada para os primeiros exames. Já nos procedimentos de um parto humanizado, a ideia é de deixar a mãe com o bebê por algum tempo, deixando o momento mais íntimo e de afeto. Só depois de algum tempo a criança é levada para os exames.

vantagens

Dói?

Não dá para se enganar e achar que o momento do parto será sem dor, ainda mais para as gestantes que optarem por um parto livre de anestesia.

No entanto, mulheres que adotaram o procedimento com técnicas humanizadas relatam que é uma dor mais leve, já que o momento é mais íntimo, respeitando o tempo da mulher e da criança, com a posição desejada e até em ambientes que podem ajudar a aliviar as dores, como o parto na banheira.

E claro, que se possível, você pode aproveitar o período de gestação para se dedicar a técnicas de respiração que ajudem a aliviar as dores do parto, assim o momento fica mais leve, ainda mais quando a sua vontade é respeitada e livre de qualquer estresse que poderia vir a afetar o seu humor durante o momento.

Existem Riscos?

Qualquer tipo de parto envolve riscos, por isso antes de escolher por um tipo de parto, é preciso ter avaliação médica.

No quesito de parto humanizado com menor incidência de procedimentos hospitalares e cirúrgicos, há sim riscos que podem variar de acordo com cada gestante e momento, e o fato de ser um momento mais íntimo não agrega mais riscos, pelo contrário, pode ser até mais seguro, pois evita muitas manobras médicas.

Para evitar eventualidades e riscos que o momento do parto possa gerar, é ideal que todo o procedimento seja feito em um hospital, que tenha uma equipe médica e salas preparadas para qualquer possível intervenção, garantindo assim a integridade da mãe e do bebê.

Como se Preparar para o Parto?

A preparação para o parto humanizado pode vir desde o início da gestação, buscando por um obstetra que seja condizente com a ideia e que traga conforto e confiança para a gestante.

Depois de escolher por um médico, é preciso fazer todo o pré-natal e ver a possibilidade e técnicas que poderão ser adotadas durante o parto.

Para as mulheres e até para o(a) acompanhante que fará parte do momento, também é interessante ler sobre o assunto e até mesmo assistir a filmes, documentários, e vídeos que mostrem a humanização do parto, afinal é um momento mais forte e a preparação pode ser um aliado para dar mais segurança e conhecimento.

respiração parto

Outra dica para as grávidas é de fazer exercícios e técnicas de respiração que ajudem a deixar o momento do parto um pouco mais relaxante.

massagem parto

A massagem pode ajudar a gestante a relaxar

Quais os Cuidados Pós-Parto?

Como em qualquer outra técnica, o pós-parto não é nada diferente.

No puerpério, independente se o parto envolveu anestesia ou não, a mulher deve fazer menos esforços, evitar peso, evitar se agachar com frequência, hidratar-se e alimentar-se bem e de maneira saudável, pois nessa  fase também tem a amamentação, que exige mais da mulher.

 

Toda Mulher Pode Fazer Parto Humanizado?

A humanização do parto traz uma ideia mais leve do momento de nascimento da criança, e por isso os procedimentos humanizados acabam se tornando um desejo de parto para uma grande parcela das mulheres.

No entanto, o parto humanizado e que dispensa procedimentos hospitalares pode não ser uma opção para todas as mulheres, visto que cada gestação tem suas peculiaridades e algumas até envolvem riscos.

O procedimento humanizado e sem grandes intervenções médicas deve ser analisado pelo médico previamente e até mesmo no momento de dar a luz, de modo a verificar que não há riscos para a mãe e para o bebê.

E se o seu momento não permite algo mais natural, não precisa se sentir triste, afinal a humanização não está ligada somente ao mínimo envolvimento de técnicas, mas no respeito que a equipe dá a mulher, podendo até mesmo ser um cesárea humanizada, onde o procedimento seja menos automático e que a equipe faça com que o parto seja um momento mais íntimo, podendo ter um acompanhante e um ambiente que seja seguro para a técnica cirúrgica, mas também mais aconchegante.

 

Parto Humanizado Demora Mais?

Geralmente demora mais sim!

Na humanização do parto, a naturalidade é o ponto principal e a ideia de menos intervenções pode deixar o momento mais lento, já que neste tipo de parto evita-se o uso excessivo de métodos de indução e intervenções da equipe médica.

 

Parto Humanizado é Sempre na Banheira?

Um erro comum é achar que parto humanizado se define pelo uso ou não de banheira, quando na verdade é uma conduta que deixa a mulher livre para fazer sua escolha própria no momento de dar a luz.

O uso ou não da banheira é opcional de cada mulher, e isso não define a humanização do parto.

parto na banheira

Humanizado X Natural X Normal: Qual a Diferença?

Para acabar de vez com qualquer confusão sobre técnicas, tipos e procedimentos de parto, vamos a explicação de como é cada opção:

  1. Humanizado: não é propriamente um tipo de parto, mas sim as condutas e procedimentos adotados durante o processo de parto, de modo a respeitar a naturalidade do momento, os desejos da mãe e envolver menos técnicas automáticas relacionadas ao trabalho de parto.
  2. Natural: nesse tipo de parto a ideia é de que os procedimentos envolvam menos técnicas cirúrgicas e até mesmo abdique de procedimentos clássicos, como intervenção para rompimento da bolsa, anestesia ou induções. No parto natural, a ideia é de que o nascimento seja via vaginal, com acompanhamento médico, mas sem técnicas de intervenção.
  3. Normal: nome mais clássico e bastante conhecido, nesse tipo de parto o nascimento é via vaginal, e a equipe médica adota procedimentos tradicionais e corriqueiros, como ruptura da bolsa, anestesia e até uso de induções para tornar o processo mais rápido. No parto normal, o médico torna-se protagonista no nascimento da criança.

tipos de parto anestesia parto

 

Sendo assim, apenas parto natural e normal se diferenciam em relação a técnicas adotadas, mas ambos podem ser humanizados.

 

Cenas & Vídeos de Parto Humanizado

Para quem quer se preparar para o momento e ver alguns procedimentos e técnicas de parto humanizado, separamos vídeos que mostram esse momento sublime, que é a vinda de um bebê ao mundo com condutas que tornam o momento mais “humano”.

 

 

Agora que já expomos o assunto e respondemos a dúvidas, conte aqui nos comentários sua opinião sobre essa conduta e se você já escolheu ou fez o procedimento para o momento de dar a luz.



COMPARTILHE COM AMIGOS!

Mais Dicas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *