Falta de Ar na Gravidez – Quais as Causas, Riscos e Como Aliviar

A sensação de falta de ar na gravidez pode ser algo comum entre as gestantes, mas será que isso é normal?

Se você está na fase de gestação e vem sentindo falta de ar, no post vamos responder a todas as dúvidas sobre o assunto e garantir as informações necessárias para uma gestação tranquila.

falta de ar na gravidez

Sobre a Falta de Ar na Gravidez

É Normal

A falta de ar ou dispneia é um sintoma comum da gestação, podendo aparecer no início da gravidez por conta das alterações hormonais, uma vez que o corpo passa por um processo para se adaptar e ter um volume de útero 20 vezes maior.

entenda sobre falta de ar na gravidez
Os sintomas costuma ser normais, mas em caso de dúvidas, é essencial procurar um médico

A falta de ar na gravidez também é normal por conta das mudanças fisiológicas, fazendo com que a gestante tenha respiração mais curta e mais acelerada, o que pode trazer sensação de fadiga ou falta de ar.

A sensação de falta de ar costuma ser percebida no primeiro trimestre e pode se intensificar com o desenvolvimento do bebê, deixando o sintoma mais evidente.

Em geral, a sensação costuma ir até a 36ª semana de gravidez, momento em que o bebê costuma se encaixar na região da pelve, deixando a barriga um pouco mais baixa e liberando mais espaço para o diafragma e pulmões, permitindo maior expansão da caixa torácica e aliviando a sensação de falta de ar.

gravida com falta de ar

Quais as Principais Causas?

Em geral, a falta de ar na gravidez é associada ao desenvolvimento do bebê, uma vez que o diafragma e os pulmões vão sendo comprimidos, o que delimita a capacidade de expansão da caixa torácica e pode gerar o desconforto de falta de ar.

Além do crescimento do bebê que pode impactar diretamente na sensação de falta de ar, essa sensação também pode ser associada a outras condições como:

  • alterações hormonais;
  • cansaço;
  • ansiedade;
  • bronquite;
  • excesso de atividade física;
  • asma;
  • doenças cardíacas.
causas de faltar de ar na gravidez
Algumas condições, como cansaço e excesso de atividades físicas podem dar sensação de falta de ar

Para se certificar de que a falta de ar não é nenhuma condição que pode trazer gravidade à gestação, é importante fazer o pré-natal e ir ao médico caso não esteja se sentindo bem.

causas de faltar de ar na gestacao
O desconforto para respirar pode estar associado ao crescimento do bebê

Existem Riscos ao Bebê?

A sensação de falta de ar costuma ser um sintoma recorrente na gestação, e em geral não costuma ser prejudicial para o bebê, que recebe oxigênio através do sangue vindo pelo cordão umbilical.

Caso a falta de ar não esteja associada a outros sintomas, essa pode ser apenas uma sensação de desconforto durante a gestação, que pode ser aliviada com algumas dicas para evitar a falta de ar.

 riscos da falta de ar na gestacao
Em geral, a falta de ar não costuma trazer riscos ao bebê

Existem Riscos para a Mãe?

A falta de ar na gravidez não costuma trazer riscos para a mãe caso seja um sintoma isolado.

No entanto, se a falta de ar na gravidez for recorrente e associada a outros sintomas, é importante a consulta ao médico para avaliar a saúde da mãe e do bebê.

Quando Procurar Ajuda Médica?

Para quem está sentindo falta de ar durante a gestação e tem dúvidas sobre procurar um médico, a recomendação é procurar auxílio médico se a falta de ar for recorrente.

A ida ao médico também pode ser em caso de início repentino da falta de ar e associação a outros sintomas, como dor no peito, palpitações, febre, chiados ao respirar.

Caso a falta de ar também esteja dificultando a realização de atividades simples ou piorando rapidamente, não deixe de ir ao médico para relatar a situação.

falta de ar em gestante
Caso a falta de ar continue, é importante procurar um médico

Como Aliviar Falta de Ar na Gravidez

Se você vem sentindo falta de ar durante a gestação, há algumas dicas que podem aliviar essa sensação.

  • Controle da ansiedade: uma das maneiras de reduzir a falta de ar, é controlando a ansiedade e mantendo a calma. Dessa maneira, é essencial evitar situações estressantes e incluir na rotina exercícios que ajudam na respiração e meditação.
  • Posição para deitar: é comum a falta de ar se intensificar ao deitar ver é ideal se deitar de lado, auxiliando a circulação sanguínea e melhorando a com pressão verba o que pode diminuir a sensação de falta de ar.
  • Exercícios físicos: os exercícios físicos para grávidas podem fazer parte da rotina, mas é importante fazer exercícios que sejam adequados para essa fase, evitando atividades que podem aumentar a frequência cardíaca acima de 120 bpm (batimentos por minuto). Além de praticar atividades que sejam recomendadas para gestantes, também é importante se atentar ao horário para a realização da atividade física, evitando exercícios em horários de calor intenso.

como aliviar falta de ar na gravidez

Agora que você já entendeu mais sobre essa sensação de falta de ar durante a gestação, fica mais fácil de observar os sinais do seu corpo e procurar um médico caso tenha outros sintomas, dúvidas ou não esteja se sentindo bem com a situação.